GERENCIAMENTO de Resultados e Decisões de Investimentos no Brasil

Nome: Arthur da Silva Souza
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 30/07/2018
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Jose Elias Feres de Almeida Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Amaury José Rezende Examinador Externo
Jose Elias Feres de Almeida Orientador
Vagner Antonio Marques Examinador Interno

Resumo: O objetivo desta dissertação é avaliar a relação das práticas de gerenciamento de
resultados via accruals e atividades reais com overinvestment das empresas. As práticas
de gerenciamento de resultados serão analisadas por meio dos resíduos (erros) da
regressão para cada modelo de gerenciamento de resultados, que representam o nível
anormal das atividades da empresa, sendo, portanto, uma proxy para identificação do
gerenciamento. O nível de investimentos considerado ideal é aquele que ocorre devido
às oportunidades de investimentos da empresa e o desvio no nível de investimento é
aquele superior (overinvestment) ou inferior (underinvestiment) ao nível que seria o
ideal. Para identificação dos níveis de investimentos será utilizado um modelo baseado
na literatura econômica e proposto por McNichols e Stubben (2008). Para cumprir esse
objetivo serão analisados os investimentos em ativos para uma amostra de 1.240
empresas não financeiras listadas na BMF&FBOVESPA durante o período de 2011 até
2017, coletadas por meio do sistema Thomson Reuters Eikon. Para a operacionalização
da pesquisa, optou-se por utilizar o método de Fama e Macbeth (1973) para dados em
painel. Os resultados obtidos evidenciaram que o overinvestment está relacionado de
forma positiva e significante com o gerenciamento de resultados via accruals e por
receitas discricionárias, indicando que as empresas utilizam ambas as práticas de
gerenciamento para reportar um melhor resultado. Por outro lado, no que diz respeito ao
gerenciamento por atividades reais, foram encontrados evidências que as empresas
utilizam menos essa modalidade que, quando utilizada, não é necessariamente para
reportar melhores resultados no período. Por fim, as evidências sugerem que a prática
de gerenciamento, geralmente utilizadas para atingir objetivos externos à empresa,
também podem estar associadas às decisões de investimentos.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910